0
Receita

Tosta de Cebola Caramelizada

13 Maio, 2016

Dizem que o nosso “gosto” e “não gosto” do palato vão alterando ao longo da vida e acho que é bem verdade. Eu confesso que tenho alguns ingredientes que ainda não consigo gostar – beterraba, abacate, coentros; e outros onde tenho plena visão da história de amor que começou em ódio – que é o caso da cebola.

Lembro-me como se fosse hoje: eu detestava cebola em qualquer dos seus estados – crua, frita, refogada, panada; e nos últimos anos tenho vindo a gostar cada vez mais e agora adoro tudo 🙂  A “Caramelizada” tenho vindo a testar várias vezes e de várias maneiras, e acho que o melhor é ter simplicidade.

Então e agora vejam lá ao que chegou este caso de amor, tendo em conta que a minha tosta preferida neste momento é de cebola! Ahahaha!
E vocês? Quais são os vossos amores e os vossos desamores no que toca a alimentos?


  • 2 cebolas médias, cortada fininha em meia lua
  • 1 dente de alho ralado
  • 1 colher de sopa de molho inglês
  • 1 colher de sopa de vinho branco (eu meto a olho)
  • 2 colheres de sopa de azeite
  • 1 pitada de sal (não usar muito pois o molho inglês já é salgado)
  • mostarde de boa qualidade, qb

Aqueça muito bem a sauté anti-aderente e só depois junte o azeite. Nota: vai perceber que com a sauté quente não precisa de usar tanto azeite como se o coloca-se a frio.

Em lume brando, coloque a cebola para alourar e passado meia-dúzia de minutos junte o alho. Refresque o refogado com o vinho e deixe o mesmo evaporar um pouco antes de mexer.

Ao fim de alguns minutos a cebola começa a apresentar-se com um tom “férias na praia de 20 dias” – foto 2; quando isso acontecer tempere com o molho inglês e deixe refogar mais um pouco até ficar “bronzeado 2 meses” – foto 3. Nessa altura está pronta a usar.

Pegue em fatias de pão tostado e delicie-se. Ah, descobri há pouco tempo que afinal adoro o sabor forte da mostarda. Experimente também.

Be Nice, eat Onion. GO!