0
Receita

Tarte de Legumes Assados 

16 Fevereiro, 2014

Esta tarte vai fazer com que o seu dia (neste caso a querida segunda-feira) corra muito melhor. Pelo menos, à hora de almoço, vai ficar com a barriga confortável e de consciência tranquila.

“Você abusou” muito no fim-de-semana? Então, aqui fica a sua oportunidade de começar esta nova semana, com uma alimentação equilibrada mas recheada de muitos e bons sabores, com este “festim mediterrânico”!

Com isto, fica com mais uma sugestão para “segunda-feira sem carne”.


  • 1 pimento vermelho, sem sementes e cortado em cubos (3 cm)
  • 1 pimento amarelo, sem sementes e cortado em cubos (3 cm)
  • 1 beringela média, cortada em cubos (4 cm)
  • 1 batata-doce pequena, cortada em cubos (3 cm)
  • 1 courgette pequena, cortada em cubos (3 cm)
  • 1 folha de louro
  • 7 tomates-cereja, cortados ao meio
  • 2 cebolas médias, cortadas em rodelas finas
  • 120 g de queijo Ricotta (esfarelado ou em cubos pequenos)
  • 120 g de queijo Feta (esfarelado ou em cubos pequenos)
  • 2 ovos biológicos
  • 200 ml de natas
  • 1 base de massa quebrada (ou esta receita de massa quebrada caseira)
  • sal e pimenta preta
  • azeite q.b.
  • 1 embalagem de feijões secos (não são para cozinhar)

Vamos começar!!! Pré-aqueça o forno a 230º C.

Coloque os pimentos num tabuleiro de ir ao forno, regados com um pouco de azeite (coloque na prateleira de cima do forno). Vá vigiando para que não fiquem queimados.

Num recipiente limpo, misture a beringela com 4 colheres de sopa de azeite, sal e pimenta. Espalhe noutro tabuleiro e leve ao forno, na prateleira abaixo dos pimentos. Passados 12 minutos junte à beringela, a batata-doce e mexa. (Dê uma vista de olhos nos pimentos). Deixe assar mais 12 minutos. Por fim acrescente a courgette, mexa e deixe cozinhar mais 10 minutos. Certifique-se de que estará tudo assado.  etire do forno e reduza a temperatura para 160ºC.

Enquanto faz os processos acima descritos e espera que fiquem assados, faça a outra parte da receita: Numa frigideira aqueça 3 colheres de sopa de azeite em lume brando e salteie a cebola com o louro e um pouco de sal durante 20 minutos, mexendo sempre que necessário, até ficar castanha e adocicada. Desligue o lume e retire a folha de louro.

Abra a massa quebrada sobre uma folha de papel vegetal (se for uma massa de compra já trás o papel). Forre uma tarteira de 23 cm com a massa e pressione a toda a volta deixando um pouco de massa pendurada no rebordo. Por cima da massa coloque novamente papel vegetal e encha a tarteira com os feijões secos e leve ao forno por 30 minutos. Depois desse tempo, retire com cuidado o papel vegetal com os feijões e leve ao forno por mais 10-15 minutos (ou até ficar dourada). Retire e deixe arrefecer um pouco.

Comece a rechear a tarte com a cebola, seguido dos legumes assados, os queijos, os tomates (com o lado cortado voltado para cima). Bata os ovos com as natas, sal e pimenta e despeje cuidadosamente por cima da tarte. Por fim, leve novamente ao forno durante 30-45 minutos, até o recheio estar dourado. Retire do forno e deixe 10 minutos antes de desenformar e se servir com 2 fatias generosas.  Garanto-lhe que não terá fome tão depressa.

Be Nice, do livro “O Novo Vegetariano”.

Nota: Guarde os feijões secos num frasco para usar sempre que precisar de assar massas de tartes.