0
Destaque Receita

Kanelbullar – Bolinhos de Canela

14 Março, 2019

Não imaginam como eu fico contente quando é domingo de manhã, está sol e tempo um tempo livre.

Como sempre tenho sempre imensas listas de receitas que quero fazer e vou acrescentando mais e mais. Mas para esta, até tinha comprado online esta farinha de força e portanto estava tudo a meu favor.

Acordei cedinho e ainda meia a dormir comecei a preparar a massa. Como ainda estava um bocado de frio, pré-aqueci o forno a 50ºC desliguei e usei o resto do calor para ir levedando as massas. Desta maneira estamos a acelerar o processo de levedação, mas se não estivesse com pressa para tomar o pequeno-almoço, teria deixado tudo levedar à temperatura ambiente o tempo que fosse preciso, poderia ser 30 minutos ou 2 horas, a massa é que manda.

Mas bom, correu muito bem e quando dei por mim já tinha o tabuleiro no forno com os kanelbullar’s a cozerem. Até a minha vizinha acordou com o cheirinho a canela e partilhei com ela metade dos bolinhos.

Este tipo de massa fermentada com especiarias faz-me sempre lembrar da viagem a Londres, onde há destes e de mais outro milhão de bolinhos em todas as padarias da cidade.


Recheio

  • 100 g de manteiga amolecida
  • 1 colher de sobremesa de farinha
  • 2 colheres de sopa de canela em pó (12 g)
  • 1/2 colher de sobremesa de sementes de cardamomo
  • 1 colher de chá de pasta de baunilha
  • 50 g de açúcar granulado
  • 50 g de açúcar mascavado escuro, não refinado

Para finalizar

  • 1 ovo batido
  • açúcar em pérolas
  • Este Glacé para pincelar

Para a Massa

  • 7 g de fermento granulado
  • 250 ml de leite meio-gordo, morno
  • 75 g de manteiga amolecida
  • 50 g de açúcar granulado
  • 100 g + 350 g de farinha t65 sem fermento ou outra farinha de força
  • 10 g de sal marinho
  • 1 ovo batido
  • 1 ou 2 colheres de chá de sementes de cardamomo

Coloque na taça da batedeira o fermento, leite e 100 g de farinha. Mexa com uma colher de pau, tape com película aderente e deixe actuar por 15 minutos até começar a fazer bolhas.
Coloque a taça na batedeira e prepare-a com o gancho de amassar. Adicione os restantes ingredientes e amasse em velocidade média durante 5 minutos. Não tive necessidade de adicionar mais farinha, a massa ficou elástica e sem colar nos dedos.

Passe a massa para uma taça limpa e polvilhada com farinha. Tape com película aderente e deixe levedar num local morno por 30 minutos ou até duplicar de volume. Enquanto isso prepare o recheio e reserve.

Polvilhe a bancada da cozinha com farinha, coloque a massa na bancada e amasse um pouco. Estique-a num rectângulo de 60 cm x 40 cm. Espalhe o recheio, divida o rectângulo visualmente em 3 partes e dobre, irá ficar com um rectângulo com 20 cm x 40 cm. Polvilhe com um pouco de farinha, estique um pouco mais até ficar com 25/30 cm x 40 cm.

Corte em tiras, torça-as e enrole-as. Vire a ponta para baixo do “pãozinho” e coloque-os num tabuleiro forrado com papel vegetal. Repita o processo até acabar a massa. Não coloque os Kanelbullar perto uns dos outros porque a massa vai crescer. Eu enchi dois tabuleiros daqueles do forno, ou seja 18 unidades no total.

Deixe levedar mais 30 minutos num local morno e sem correntes de ar.

Pré-aqueça o forno a 200 ºC. Pincele os kanelbullar’s com ovo batido e leve a cozer um tabuleiro de cada vez. Eu meti 10/12 minutos sem ventilação e depois liguei a ventilação e estive de olho até ficarem douradinhos, talvez mais uns 2 minutos. Esteja sempre atento porque podem queimar facilmente e cada forno funciona de maneira diferente por isso esteja sempre de olho.

Enquanto isso prepare este Glacé. Retire o tabuleiro do forno, pincele os kanelbullar’s com o glacé e polvilhe com o açúcar em pérolas.

Pegue num e coma-o de imediato! Foi o que eu fiz e não me arrependo nada! Acordei às 7h30 e às 10h30 já os estava a comer, era domingo e estava um dia maravilhoso.

Be Nice! Fonte: www.scandikitchen.co.uk